O que há entre os extremos?

Uma simples régua é o exemplo ideal dos extremos. O que há neles? As respostas variam: o máximo e o mínimo; o maior e o menor; o muito e o pouco; o tudo e o nada. Extremos nos dão a mostra de que num sentido da régua encontraremos o maior número e no sentido opostoContinuar lendo “O que há entre os extremos?”

Vamos brindar a tristeza?

O dia amanheceu nublado. Nem mesmo um único raio de sol entrou pela janela do seu quarto. O sono foi pouco e enquanto durou, coisas estranhas surgiram em sua mente. Teria sido um pesadelo? Ou estava acordada? Nada importa, pois o seu mau humor mostra um certo mal estar. Você não quer ver ninguém. VontadeContinuar lendo “Vamos brindar a tristeza?”