De que é feito o mundo?

Não tenho uma resposta para a pergunta, mas diz-se que o mundo continua sendo mundo, e que apesar das mudanças, a sua essência permanece. Mas o mundo não muda, quem muda são as pessoas. Ainda assim, as pessoas são essencialmente as mesmas, ou agem da mesma forma. Será? Antes mesmo da globalização e da internet,Continuar lendo “De que é feito o mundo?”

Qual a melhor forma de viver?

Viver não é fácil, mas é melhor que estar morto. Enquanto vivo posso mudar de caminho, fazer escolhas, tomar decisões. Mas ela (a vida) pode não ser eterna, por isso precisamos vivê-la intensamente antes que o fim bata à nossa porta. Se nos decidimos a viver e viver bem, necessitamos obrigatoriamente fazer escolhas. Nessa esteira,Continuar lendo “Qual a melhor forma de viver?”

Quanto vale a sua opinião?

Atualmente vivemos num mundo onde todos querem dar a sua opinião. Isso é muito bom. Sinal de que estamos vivendo numa democracia. Em minha opinião, existem dois tipos de opinião. A primeira eu chamo de “rasa”, ou seja, aquela que não tem profundidade, superficial e geralmente emite juízo de valor. A segunda eu chamo deContinuar lendo “Quanto vale a sua opinião?”

Estamos no mesmo barco?

Em tempos de pandemia, tenho escutado com certa frequência a frase: “Agora estamos todos no mesmo barco”. Será? O que seria o mesmo barco? O planeta Terra? Se estamos no mesmo barco, certamente existe nele uma área VIP e outra destinada exclusivamente aos desafortunados. E mais, se o barco estiver furado, sem sombra de dúvidas,Continuar lendo “Estamos no mesmo barco?”

O que te faz sofrer?

Antes de mais nada, esclareço que este texto não faz referência àquelas pessoas que sofrem por algum tipo de doença real, que nasceram com ou adquiriram determinadas patologias, e que por isso encontram-se em sofrimento. Falo agora de sofrimentos causados por doenças imaginárias, daquelas que poderiam ser evitadas, se tivéssemos mais autoconhecimento, um pouco maisContinuar lendo “O que te faz sofrer?”

Você já foi minoria?

A pergunta que o título traz é importante, porque nos faz refletir sobre algumas de nossas atitudes no dia a dia. Se você faz parte de um grupo, seja ele qual for, onde os seus pensamentos, gostos e ideias são compartilhados pela maioria, a convivência se torna muito mais fácil, se não vejamos. A maioriaContinuar lendo “Você já foi minoria?”