O que há entre os extremos?

Uma simples régua é o exemplo ideal dos extremos. O que há neles? As respostas variam: o máximo e o mínimo; o maior e o menor; o muito e o pouco; o tudo e o nada. Extremos nos dão a mostra de que num sentido da régua encontraremos o maior número e no sentido opostoContinuar lendo “O que há entre os extremos?”