Quando será o seu velório?

Muitos de nós fugimos dessa pergunta, ou porque nos consideramos novos demais para pensar na morte, ou pelo simples fato de que falar de morte não é um assunto interessante. A nossa finitude não é um tema no qual temos apreço em discutir ou mesmo pensar. Por isso adiamos sempre, a não ser quando alguémContinuar lendo “Quando será o seu velório?”

Você é feliz no trabalho?

A maioria de nós passa pouco mais de um terço da vida no trabalho, digo isso principalmente para aqueles que possuem algum vínculo empregatício. Desse modo, se considerarmos que um outro terço da vida passamos dormindo, nos sobram ainda um terço para outras atividades, ou para sermos felizes. Nesse sentido, se estamos infelizes no trabalho,Continuar lendo “Você é feliz no trabalho?”

Por que os nossos sonhos mudam?

Era uma vez um menino, que na sua infância, sonhava em ser jogador de futebol. Não pensava no dinheiro, e sim porque amava jogar bola. Naquela época, jogador de futebol não era tão famoso, nem recebi os altos salários de hoje. A oportunidade não apareceu ou se apareceu ninguém contou pra ele ou deu importânciaContinuar lendo “Por que os nossos sonhos mudam?”

E quando chegar o fim?

Assim como num filme nossa vida tem começo, meio e fim. Contudo, diferente dos filmes, lembramos um pouco do começo, preocupamos muito com o meio e quase sempre nos esquecemos do fim…da vida. Nos filmes ficamos ansiosos pelo fim, na vida fazemos questão de esquecê-lo. Se o gênio da lâmpada nos aparecesse, certamente três pedidosContinuar lendo “E quando chegar o fim?”

Mundo ideal ou Mundo real?

Em qual dos mundos você vive atualmente? Essas perguntas são difíceis de responder. Por isso é importante definirmos o que são os dois mundos, a partir de dois substantivos femininos: realidade e imaginação. No mundo ideal tudo é perfeito. Não sentimos dores. Não sofremos. Não temos medos. Tudo é paz e felicidade! As pessoas sãoContinuar lendo “Mundo ideal ou Mundo real?”

O que nos guarda o futuro?

O futuro não existe! Daqui um minuto ele será presente e logo em seguida passado. Há pessoas que ocupam grande parte do seu tempo pensando no futuro e outras que não se importam nem um pouco com a chegada dele. Qual o melhor caminho? Eu escolheria o caminho do meio, ou como diria Aristóteles, emContinuar lendo “O que nos guarda o futuro?”