O que é pseudofelicidade?

O que é pseudo é falso, enganoso. Então, se digo que a felicidade é falsa, fomos enganados? Se não, onde está a verdadeira felicidade?

Quando uma pessoa posta em suas redes sociais uma foto, na qual está sorrindo, rodeada por amigos e familiares, subentende-se que ela esteja feliz. Certo? Errado. Para início de conversa, a percepção de quem vê a foto é uma e a da pessoa que postou pode ser outra, ou pode ser a mesma que a sua, mas somente ela sabe a resposta.

No momento em que alguém diz pra você, vou tirar uma foto ou vamos fazer uma selfie, sua primeira reação é sorrir, correto? Você faz cara de paisagem, dá uma forçada no sorriso e finaliza com uma pose. Pronto! Foto tirada, você já pode voltar ao seu normal, que pode ser o de uma pessoa feliz ou infeliz.

Ao acessar seu Instagram, por exemplo, você vê uma foto de alguém e pensa: “Que legal! Todo mundo feliz! Queria ser assim também…”. Aí bate uma certa tristeza, que pode estar acompanhada da inveja, ou seja, a tristeza em ver alguém feliz, ou simplesmente um rápido estado de melancolia, que em casos mais graves e longos pode virar uma depressão.

Mas por que essa cena incomodou ou incomoda tanto no dia a dia? Será que todos nós sofremos do mal da inveja? Por que queremos estar no lugar do outro? Será que a vida do outro é tão boa assim?

Para essas e outras tantas perguntas, existe uma única resposta. “Porque eu preciso me conhecer”. No momento em que eu busco essas e outras respostas dentro de mim, as explicações começam a se tornar cristalinas. Se estou infeliz, o motivo só eu sei, mas talvez não queira aceitá-lo. A culpa, se é que há culpados, não é da pessoa que está publicando seus momentos, não é do mundo que está confabulando contra mim, ela é minha, porque estou fugindo de mim mesmo, escondendo-me atrás dos meus medos e angústias.

Nem sempre o que está na internet é real. E não importa que seja, porque as coisas e as pessoas só vão se tornar interessantes ou belas a partir do nosso olhar. Se eu vejo uma foto com o olhar positivo, encontrarei significados belos nela. No entanto, se a visão for negativa, vou achar aquela imagem agressiva, interpretando-a a partir do meu olhar de tristeza.

Por isso temos que ter muito cuidado ao acessar redes sociais e notícias na internet. Quem escreve ou posta uma foto pode estar fazendo com a intenção de mostrar exatamente o contrário do que ela pensa ou está sentindo. Infelizmente, a pseudo felicidade de uns traz a infelicidade aos outros. E o problema nunca está no outro, porque ele você não pode mudar, já você…

Publicado por Ralph Neves

Não sei bem me definir...Gosto de escrever, talvez porque gosto muito de ler. Sou curioso e tenho muitas dúvidas, mas não sou cético, porque acredito em muitas coisas e ao mesmo tempo não creio em nada. Muitas vezes penso que sei, e descubro que não sei nada. A frase atribuída a Descartes ajuda a me definir: "Daria tudo que sei pela metade que ignoro". Estou sempre procurando e talvez não encontre, mas o que realmente importa? Certamente é o caminho da busca...

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: