Onde está a motivação?

Pessoas e empresas buscam a resposta e precisam desesperadamente encontrá-la. Por que a motivação é um tema que fascina tanto as pessoas?

Em vez de uma, agora temos duas perguntas difíceis de responder. Primeiro precisamos entender o que é motivação. Se separarmos a palavra, encontraremos que é o motivo que leva à ação. Simplificando, é tudo aquilo que nos leva a agir, a sair da zona de conforto, a movimentarmos.

Mas por que vamos querer nos movimentar se parados estamos bem? É aí que está o xis da questão. Em que momento resolvemos agir? O que despertou em nós o desejo de caminhar, de mudar, de tomar uma atitude?

Como somos seres individuais, únicos, diferentes de todos, certamente cada um vai saber o que o estimula a sair do lugar. Se gostamos muito de dinheiro, é ele que nos moverá. Se começamos na empresa ganhando um salário mínimo e sabemos que o nosso chefe ganha quatro vezes mais, talvez melhoremos o nosso desempenho, porque sabemos onde está o alvo, então vamos nos movimentar.

Contudo, nem sempre a motivação vai ser financeira. Ser reconhecido é também uma forma de estar motivado, podendo ser um elogio, uma promoção, um brinde, um convite ou qualquer outra ação que traduza o quão satisfeitos estão com o nosso trabalho ou com a nossa conduta.

O que torna a motivação um tanto confusa é quando as pessoas ou as empresas tentam padronizá-la. Crescer na empresa pode não ser a nossa ideia. Receber um valor financeiro a mais no final do mês pode não ser a melhor solução, se para tal tivermos que sacrificar algumas horas da noite ou dos finais de semana. Nessa perspectiva é importante enfatizar: “Ninguém motiva ninguém”!

A motivação é fascinante exatamente porque talvez nunca descobriremos o que motiva o outro e nem mesmo o que nos motiva. Ela é mutável. Hoje posso estar motivado por alguma recompensa, e amanhã pensar diferente. Se olhar para dentro é difícil, imaginem então olharmos para dentro do outro. É praticamente impossível!

As pessoas e as empresas vão continuar buscando respostas para todas as perguntas relacionadas à motivação, e vão encontrar algumas, mas nunca terão a certeza de que são essas as respostas verdadeiras, aquelas que vêm do coração. E como diz o ditado: “coração é terra que ninguém vê”.

Já descobriram onde está a motivação?

Publicado por Ralph Neves

Não sei bem me definir...Gosto de escrever, talvez porque gosto muito de ler. Sou curioso e tenho muitas dúvidas, mas não sou cético, porque acredito em muitas coisas e ao mesmo tempo não creio em nada. Muitas vezes penso que sei, e descubro que não sei nada. A frase atribuída a Descartes ajuda a me definir: "Daria tudo que sei pela metade que ignoro". Estou sempre procurando e talvez não encontre, mas o que realmente importa? Certamente é o caminho da busca...

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: